domingo, 24 de junho de 2012

Onde conhecer gajos?*

Estava eu a beber um café com uma amiga minha a desabafar sobre a minha noite passada, nesta fase já não estava na fase da auto-comiseração, quando me saio com a seguinte pergunta:
- É pá, mas onde é que nós podemos conhecer gajos normais?
Desta pergunta saiu a seguinte lista com os seus contras:
  • Noite - ora nós tendemos a atrair aquilo que somos na noite, e tendo em conta que quando saio eu não sou a pessoa mais normal não me parece.
  • Jantares de amigos - pois aqui até parece viável, contudo os nossos amigos nunca levam amigos para os jantares, logo risca da lista.
  • Faculdade - a palavra "não", não representa a nãodade suficiente.
  • Workshops variados - sejamos honestas, não me parece...
  • Hobbies variados - tendo em conta que a minha descoordenação motora é grave (pensámos em escalada) provavelmente ia acabar estatelada no chão toda partida.
  • Ginásio - existe sempre aquele factor, eu não tenho um corpo escultural e está sempre alguma pindérica escultural por lá a passear-se meia despida, logo sou totalmente ignorada.
Ala de recobro de ortopedia do hospital - pois nós andamos a tentar fugir de pessoas doentes, aqui as pessoas são mesmo doentes, logo não.
Pensámos em muitos mais sítios, e chegámos sempre à mesma conclusão. Ora portanto os homens normais devem andar bem escondidos.

*Este texto é uma pequena transcrição de uma conversa onde eu comecei de triste e deprimida e acabei a rir-me que nem uma perdida, tudo à conta de um gajo.

6 comentários:

Uma Rapariga Simples disse...

Lares e Centros de Dia.

BubbleGum disse...

E resulta?

Uma Rapariga Simples disse...

Não sei, mas estou disposta a tentar.

BubbleGum disse...

Não nos lembrámos dessa hipótese. eheh

Anna Wild disse...

Supermercados. E funerais.

BubbleGum disse...

Anna Wild esses sítios são doentíssimos e tu sabes disso...